Cavalera Conspiracy

Reunião de peso movimenta o SWU no dia 11

No dia 11 de outubro o SWU vai promover uma reunião que demorou 12 anos para acontecer. É nessa data que o Cavalera Conspiracy se apresenta no festival, em seu primeiro show no Brasil. O projeto juntou novamente os irmãos Max e Iggor Cavalera, que tocavam no Sepultura, brigaram e foram cada um para um lado. A paz voltou a reinar em 2008, quando eles decidiram que poderiam acertar suas diferenças fazendo heavy metal em nova parceria. A decisão gerou o álbum “Inflikted”.

Para gravar o CD e colocar o Cavalera Conspiracy no circuito, recrutaram o guitarrista Marc Rizzo, do Soulfly, grupo de Max pós-Sepultura. O baixista Joe Duplantier completou a formação. O disco saiu com 11 faixas, entre elas “The Doom of All Fires” e “Hearts of Darkness”. Além de compor todos os temas, Max assinou também a produção do álbum.

“Inflikted” apareceu na lista dos 50 discos mais vendidos em vários países da Europa, continente em que Max, por conta da carreira no Sepultura e no Soulfly, é bem conhecido. Na Alemanha e na Áustria, por exemplo, o CD chegou ao 27º lugar.

Dois anos depois, a banda desembarca no Brasil após passar um tempo no estúdio. A trupe se trancou para trabalhar nas canções de seu segundo disco. Além do privilégio de trazer o CC ao país, o SWU ainda pode servir de palco para que Max e Iggor mostrem músicas inéditas.

Formação

Max Cavalera: vocais e guitarra

Marc Rizzo: guitarra

Joe Duplantier: baixo (nas gravações)

Johny Chow: baixo (nos shows)

Iggor Cavalera: bateria

Discografia

“Inflikted” (2008)

Compartilhar