Rigoberta Menchú

Rigoberta Menchú recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1992 por sua campanha em defesa dos povos indígenas e, atualmente, é candidata à presidência da Guatemala. Ela é também Embaixadora da Boa-Vontade da UNESCO e vencedora do Prêmio Príncipe das Astúrias de Cooperação Internacional. As principais bandeiras defendidas por Rigoberta são a paz, a desmilitarização e a justiça social em seu país, assim como o respeito pela natureza e a igualdade de direitos entre homens e mulheres.

Compartilhar