Cine Tela Brasil comemora 1 milhão de espectadores com música e cinema gratuito

Sala de cinema foi instalada no Parque Ibirapuera e exibirá filmes gratuitamente

Caroll Almeida

O Cine Tela Brasil, que leva o cinema a comunidades com pouco ou nenhum acesso à arte, comemorou na noite desta quinta-feira (22) a marca de 1 milhão de espectadores com uma festa no Parque Ibirapuera, em São Paulo. A celebração terá música e cinema gratuitos (veja programação abaixo).

Para o produtor de cinema Marcos Barreto, sócio do projeto junto com os cineastas Laís Bodansky e Luiz Bolognesi, o número é impressionante para um projeto itinerante que começou mambembe. “Vale lembrar que não são 1 milhão de espectadores que foram ao cinema, mas foi o cinema que foi levado a 1 milhão de pessoas. E metade delas estava vendo um filme na tela grande pela primeira vez”, explica.

A noite de comemoração ainda celebrou os 262 filmes produzidos por comunidades carentes nas oficinas Tela Brasil, que são realizadas pelo projeto há 5 anos. Depois da apresentação do trio de forró Sinhá Flor, houve a exibição de um vídeo institucional e foi feita uma homenagem a Luiz Bolognesi e Laís Bodansky. O evento ainda teve a presença do futuro prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT).

Democratização

O projeto, que começou com um apenas um projetor em cima de uma pick-up Saveiro, hoje tem duas estruturas e um cinema inflável – este último, utilizado no SWU Music & Arts Festival 2011. Por ser leve e fácil de transportar, o Cine Tela Brasil levará o cinema inflável, nos próximos meses, para as cidades do Nordeste.

Trio de forró Sinhá Flor animou a noite de comemoração

Mas não é preciso ir tão longe para achar cidades sem uma sala de cinema sequer. A região Sudeste, responsável por boa parte do 1 milhão de espectadores, é bastante visitada pelo projeto. “Americana, a poucos quilômetros de São Paulo, não tem cinema. E mais, a Cidade Tiradentes, na Zona Leste, também não tem”, enumera Marcos Barreto.

Mesmo em lugares onde há inúmeras salas, são poucos os que podem pagar. “O cinema saiu das ruas e hoje está em shoppings. É um programa para classe A e B. E o Cine Tela trabalha para mudar isso.”

Cinema no parque

Por conta da comemoração, o Cine Tela Brasil instalou sua sala de cinema itinerante atrás do Museu Afro Brasil (Parque Ibirapuera – Portão 10) e exibirá, durante os dias 23, 24 e 25, filmes nacionais como “O Palhaço”, “Chega de Saudade” e “As melhores coisas do mundo”. A entrada, claro, é gratuita.

Confira a programação:

23 de novembro (sexta-feira)
8h30 – Turma da Mônica e Uma Aventura no Tempo
10h30 – Eu e Meu Guarda-Chuva
13h30 – As Melhores Coisas do Mundo
15h30 – Rio
18h – A Máquina
20h – O Palhaço*

24 de novembro (sábado)
10h30 – Eu e Meu Guarda-Chuva
13h30 – Rio
15h30 – As Melhores Coisas do Mundo
18h – O Palhaço
20h – Bicho de Sete Cabeças

25 de novembro (domingo)
10h30 - Rio
13h30 - Eu e Meu Guarda-Chuva
15h30 - Rio
18h - O Palhaço
20h - Chega de Saudade

This entry was posted in Intervenções, Viva o planeta. Bookmark the permalink.